• TVT
  • RBA
  • Rádio CUT
MENU

Bancários elegem nova diretoria do SEEBCG-MS a partir de hoje (12).

Cerca de 2 mil bancários podem votar na eleição

Publicado: 12 Fevereiro, 2019 - 17h58

Escrito por: Assessoria SeebCG

notice

Sede SeebCGSede SeebCG

Começou hoje e segue até esta quarta-feira, dia 13, as eleições do Sindicato dos Bancários de Campo Grande-MS e Região. A movimentação na sede da entidade começou de madrugada, com os mesários retirando as primeiras urnas que foram para o interior do estado.

“O trabalho da Comissão Eleitoral começou de madrugada, para a preparação e entrega às 5 horas da manhã das quatro urnas que foram para as cidades do interior. Depois, o credenciamento das demais urnas começou a partir das 8h. Hoje o trabalho se resume, neste primeiro momento, no credenciamento, entrega dos materiais, das pastas e das mesas coletoras de votos e a eleição propriamente dita”, comentou o presidente da Comissão Eleitoral, Orlando de Almeida Filho.

Além de uma urna fixa no sindicato, as demais vão percorrer as agências de Campo Grande e das cidades do interior, que fazem parte da base do  SEEBCG-MS. Cada urna é acompanhado pelo presidente e dois mesários, além de fiscais das chapas concorrentes.
 

Segundo o presidente da Comissão Eleitoral, mais de 1600 bancários estão aptos a votar nessas eleições de 2019.

 

“Temos, ao todo, 24 urnas, o processo tem ocorrido com muita tranquilidade, muita transparência. Toda a metodologia foi acordada entre representantes das duas chapas para garantir a paridade. Até o momento, não está tendo nenhum tipo de confronto, que viva então esse momento democrático. Vamos respeitar a democracia e festejar esse momento, pois quem sai ganhando com isso tudo é a categoria e a entidade sindical que tem um nome a zelar, afirmou.
 

Apesar do voto não ser obrigatório, o presidente do sindicato, Edvaldo Barros, convoca os bancários filiados a participar deste momento democrático na entidade sindical.

“É essencial que o bancário vote, participe e escolha os seus representantes para os próximos 4 anos, principalmente pelas condições de desafio e resistência que os trabalhadores se encontram atualmente. É necessário ter esse entendimento de que a participação de todos é imprescindível para a garantia dos seus direitos e para o fortalecimento do sindicato”, destacou Edvaldo.

Neste ano, duas chapas estão concorrendo o pleito, são elas: Chapa 1 - “Bancários em Ação”, que tem como candidata à presidência, Neide Rodrigues, e Chapa 2 - “Compromisso com os Bancários”, que tem como candidato a presidente, José Aparecido Clementino Pereira.

 

Depois do término das eleições nesta quarta-feira, as urnas serão transferidas para o Clube de Campo do sindicato, onde será iniciado o processo da computação de votos. Todo o processo contará com a fiscalização das duas chapas.

carregando
carregando